• Liga Contra o Cancro está a recrutar voluntários para o Peditório Nacional

    Liga Contra o Cancro está a recrutar voluntários para o Peditório Nacional

  • Operação “Censos Sénior 2021” da GNR

    Operação “Censos Sénior 2021” da GNR

  • Rádio Douro Nacional...8 Anos!

    Rádio Douro Nacional...8 Anos!

  • Ângelo Moura sai da Câmara “de consciência tranquila”

    Ângelo Moura sai da Câmara “de consciência tranquila”

  • Francisco Lopes volta à Câmara de Lamego quatro anos depois

    Francisco Lopes volta à Câmara de Lamego quatro anos depois

  • Rádio Douro Nacional - Lamego

    Rádio Douro Nacional - Lamego

Piaget cria pós-graduação 100% online em cibersegurança e proteção de dados

O Instituto Piaget acaba de lançar uma nova pós-graduação inovadora em Cibersegurança e Proteção de Dados na Administração Pública. O curso, a lecionar em regime de e-learning (100% online), em horário pós-laboral, terá a duração de seis meses, sendo promovido pela Escola Superior de Tecnologia e Gestão (ESTG) do Piaget de Almada, em colaboração com o ISEIT (Instituto Superior de Estudos Interculturais e Transdisciplinares) de Viseu.

O curso surge numa altura em que as questões relacionadas com a proteção de sistemas, programas e infraestruturas de redes contra eventuais ataques cibernéticos entraram na ordem do dia e assumiram o estatuto de prioridade. Um bom exemplo é o facto de o Estado português se preparar para usar, pelo menos, 130 milhões de euros dos fundos europeus para reforçar a cibersegurança nos seus serviços nucleares, de acordo com o Plano de Recuperação e Resiliência a apresentar à Comissão Europeia. Mas não basta reforçar com meios tecnológicos para se assegurar a proteção das infraestruturas críticas nos serviços públicos. São igualmente necessários os meios humanos, devidamente preparados. É neste contexto que o Instituto Piaget abriu as candidaturas para a sua nova pós-graduação que prevê a formação específica no âmbito da liderança e gestão da cibersegurança e proteção de dados, de acordo com os principais standards e boas-práticas. Entre os pontos fortes desta pós-graduação está a experiência do seu corpo docente, que integra vários profissionais e quadros superiores há muito ligados aos temas da segurança digital. É o caso, por exemplo, do coordenador do curso, Paulo Moniz, diretor de Cibersegurança da EDP; e dos docentes Wilson Lucas, coordenador da área de Cibersegurança no Instituto de Informática do Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social; e Filipe Frasquilho, diretor de operações da IP Telecom. Com início previsto para maio, a pós-graduação mantém candidaturas abertas até 28 de abril. Toda a informação pode ser consultada em https://ipiaget.org/ciberseguranca-e-protecao-de-dados-na-administracao-publica/. Este curso, a que se juntará em breve uma oferta formativa mais alargada na área tecnológica, representa mais um passo na orientação do Instituto Piaget para a componente digital. Uma das apostas da instituição é construir um ecossistema digital nos seus vários polos universitários, trazendo o melhor da tecnologia para áreas geográficas tradicionalmente menos favorecidas, contando para isso com parcerias com algumas das maiores empresas tecnológicas mundiais, como a Microsoft e a Huawei.