• Rádio Douro Nacional...9 Anos!

    Rádio Douro Nacional...9 Anos!

  • Rádio Douro Nacional - Lamego é a 𝗥Á𝗗𝗜𝗢 𝗢𝗙𝗜𝗖𝗜𝗔𝗟 𝗗𝗔𝗦 𝗙𝗘𝗦𝗧𝗔𝗦 𝗗𝗘 𝗟𝗔𝗠𝗘𝗚𝗢 𝟮𝟬𝟮𝟮

    Rádio Douro Nacional - Lamego é a 𝗥Á𝗗𝗜𝗢 𝗢𝗙𝗜𝗖𝗜𝗔𝗟 𝗗𝗔𝗦 𝗙𝗘𝗦𝗧𝗔𝗦 𝗗𝗘 𝗟𝗔𝗠𝗘𝗚𝗢 𝟮𝟬𝟮𝟮

  • Evocação do Dia da Liberdade em Lamego aborda prática da corrupção

    Evocação do Dia da Liberdade em Lamego aborda prática da corrupção

  • Cavacas de Resende regressam com dois dias de festa

    Cavacas de Resende regressam com dois dias de festa

  • Convento de Ferreirim reabriu ao público com apoio do Município de Lamego

    Convento de Ferreirim reabriu ao público com apoio do Município de Lamego

  • Município de Tarouca entrega dispositivos de teleassistência a idosos do concelho

    Município de Tarouca entrega dispositivos de teleassistência a idosos do concelho

Deputados do PS lamentam condições do centro de saúde de Lamego

Os deputados do PS eleitos por Viseu lamentaram hoje que o espaço do centro de saúde de Lamego não se ajuste "às reais necessidades das pessoas" e perguntaram ao Governo se está prevista a construção de um novo.

Segundo os deputados, "o espaço é exíguo para o número de utentes que serve e as diversas unidades que contempla não possuem acessibilidades para os utentes com mobilidade reduzida". Naquele espaço funcionam o centro de saúde, a Unidade de Saúde Familiar (USF) Almedina e a Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados (UCSP), tendo os dois primeiros serviços 8.534 utentes e o último 6.788 utentes, referem. Neste âmbito, os deputados socialistas perguntaram à ministra da Saúde se "está prevista a construção de um novo centro de saúde para Lamego" e de novas instalações para a USF Almedina e para a UCSP. "Os cuidados de saúde primários asseguram que os utentes recebam cuidados completos, médicos e de enfermagem", sublinham, acrescentando que estes vão desde a prevenção a "todos os outros cuidados que recebem ao nível das consultas médicas, tratamentos e cuidados paliativos". Os deputados dizem ainda que "há quem entenda os cuidados de saúde primários como uma componente essencial do desenvolvimento humano, centrada em aspetos económicos, sociais e políticos". "Assim, dada a relevância que assumem cada vez mais os cuidados de saúde primários, as infraestruturas são essenciais para que os profissionais de saúde possam prestar serviços com mais dignidade e com mais qualidade aos seus utentes", defendem.