• Concurso

    Concurso "Montras de Natal" dá vida ao comércio de rua em Lamego

  • Aprovado orçamento de 34 milhões da Câmara de Lamego para 2022

    Aprovado orçamento de 34 milhões da Câmara de Lamego para 2022

  • Rádio Douro Nacional...8 Anos!

    Rádio Douro Nacional...8 Anos!

  • Misericórdia de Lamego com atendimento à distância até 7 de janeiro

    Misericórdia de Lamego com atendimento à distância até 7 de janeiro

  • Município de Lamego adere à Onda Rosa

    Município de Lamego adere à Onda Rosa

  • Município de Lamego apoia comércio local com isenção de rendas

    Município de Lamego apoia comércio local com isenção de rendas

Cemitérios abertos em Lamego mas com acesso condicionado no Dia de Todos os Santos

Tendo em conta o contexto de atual agravamento da pandemia da COVID-19 e a aproximação do Dia de Todos os Santos (1 de novembro), em que muitos portugueses se deslocam aos cemitérios para recordar os entes queridos que já partiram, o Município de Lamego informa que vai manter abertos os cemitérios da cidade (Cruz Alta e Santa Cruz), reforçando, no entanto, as medidas preventivas de forma a mitigar o risco de um eventual contágio.

Assim, o Município de Lamego informa que nos dias 31 de outubro e 1 de novembro, se aplicarão as seguintes medidas excecionais:

O horário de funcionamento em vigor será das 8h às 19 horas;

O acesso é limitado a 250 pessoas em simultâneo; O tempo máximo de permanência para cada pessoa ou família é de 15 minutos;

É obrigatória a utilização de máscara de proteção nos acessos e no interior;

É obrigatória a desinfeção das mãos com álcool gel à entrada e à saída;

Para os trabalhos de ornamentação, cada visitante deve levar os seus próprios utensílios;

Os visitantes devem manter a distância social;

É obrigatório o respeito pelos circuitos de entrada e saída definidos no interior dos cemitérios;

Serão encerradas as instalações sanitárias;

Em caso de agravamento da evolução epidémica, poderão ser alteradas as medidas em vigor. O Município de Lamego apela ao respeito e ao cumprimento de todas as normas de segurança face à propagação da covid-19 para que seja possível aos lamecenses honrar, como é tradição, a memória dos familiares que já morreram.

Ricardo Pereira | Gabinete de Comunicação do Município de Lamego