• Rádio Douro Nacional...9 Anos!

    Rádio Douro Nacional...9 Anos!

  • César Mourão leva humor de

    César Mourão leva humor de "Terra Nossa" a Lamego

  • Câmara de Lamego reforça programa de incentivo à natalidade

    Câmara de Lamego reforça programa de incentivo à natalidade

  • Lamego vai ter residência universitária com 46 camas

    Lamego vai ter residência universitária com 46 camas

  • Fábio Duarte novo Vereador dos Serviços Urbanos da Câmara de Lamego

    Fábio Duarte novo Vereador dos Serviços Urbanos da Câmara de Lamego

  • Município de Lamego celebra protocolos para Atividades de Enriquecimento

    Município de Lamego celebra protocolos para Atividades de Enriquecimento

Queda de prédio em obras provoca um ferido grave

Um homem de 49 anos ficou, esta sexta-feira (22 de maio), ferido com gravidade após ter caído de um segundo andar de um prédio em obras, em Castro Daire. “O indivíduo do sexo masculino, de 49 anos, ficou gravemente ferido após a queda de uns cinco a seis metros de altura. Estava a trabalhar num segundo andar, numa placa de uma casa em obras”, contou António Ribeiro, comandante dos Bombeiros Voluntários de Farejinhas.

O comandante disse ainda que “o indivíduo nunca perdeu a consciência” e, “segundo as informações recolhidas, apesar da gravidade da situação, encontra-se estável”. Segundo o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Viseu, o alerta foi dado às 14h04 para a localidade de Granja, freguesia de Mões, em Castro Daire. Para o local, foi acionado um helicóptero de Viseu. “Segundo a equipa médica me informou, após uma avaliação ao indivíduo, ele acabou por ser transportado para o Hospital de Viseu por via terrestre, uma vez que poderá ter uma lesão grave pneumotórax e o helicóptero não seria o mais aconselhável”, sintetizou o comandante. No local, estiveram seis meios de mobilidade, cinco deles terrestres, apoiados por 12 operacionais dos Bombeiros Voluntários de Farejinhas, dos Bombeiros Voluntários de Castro Daire, a proteção civil municipal, a GNR e a Viatura Médica de Emergência (VMER) de Viseu.

Jornal do Centro