• Rádio Douro Nacional...8 Anos!

    Rádio Douro Nacional...8 Anos!

  • Mulher atingida a tiro em Cambres - Lamego

    Mulher atingida a tiro em Cambres - Lamego

  • Homem detido por violência doméstica em Lamego

    Homem detido por violência doméstica em Lamego

  • Tentativa de suicídio na Barragem do Carrapatelo

    Tentativa de suicídio na Barragem do Carrapatelo

  • NORTH MUSIC FESTIVAL REGRESSA EM SETEMBRO NA ALFÂNDEGA DO PORTO

    NORTH MUSIC FESTIVAL REGRESSA EM SETEMBRO NA ALFÂNDEGA DO PORTO

  • Piaget cria pós-graduação 100% online em cibersegurança e proteção de dados

    Piaget cria pós-graduação 100% online em cibersegurança e proteção de dados

Mau tempo: chuva põe seis distritos do continente sob aviso amarelo

Seis distritos de Portugal continental vão estar na sexta-feira sob aviso amarelo devido à previsão de chuva ou aguaceiros fortes, indicou esta quinta-feira o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Os distritos em causa são os de Évora, Faro, Santarém, Beja, Castelo Branco e Portalegre e o aviso vai vigorar entre as 12:00 e as 21:00 de sexta-feira, devido à previsão de períodos de chuva ou aguaceiros, por vezes fortes. Para sexta-feira está ainda prevista uma descida das temperaturas. O aviso amarelo é emitido pelo IPMA sempre que existe uma situação de risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica. O IPMA prevê para quinta-feira no continente períodos de céu muito nublado, apresentando-se em geral pouco nublado até final da manhã. A previsão aponta também para aguaceiros a partir do início da tarde, mais prováveis no interior das regiões Norte e Centro e possibilidade de ocorrência de trovoada durante a tarde, em especial no interior das regiões Norte e Centro. O IPMA prevê ainda vento fraco a moderado do quadrante leste, rodando para noroeste no litoral oeste a partir da tarde, e soprando moderado forte nas terras altas do Centro e Sul até final a manhã. As temperaturas mínimas no continente vão oscilar entre os 6 graus Celsius (na Guarda) e os 14 (em Faro) e as máximas entre os 17 (na Guarda) e os 26 (em Setúbal e Santarém).