• Rádio Douro Nacional...9 Anos!

    Rádio Douro Nacional...9 Anos!

  • Rádio Douro Nacional - Lamego é a 𝗥Á𝗗𝗜𝗢 𝗢𝗙𝗜𝗖𝗜𝗔𝗟 𝗗𝗔𝗦 𝗙𝗘𝗦𝗧𝗔𝗦 𝗗𝗘 𝗟𝗔𝗠𝗘𝗚𝗢 𝟮𝟬𝟮𝟮

    Rádio Douro Nacional - Lamego é a 𝗥Á𝗗𝗜𝗢 𝗢𝗙𝗜𝗖𝗜𝗔𝗟 𝗗𝗔𝗦 𝗙𝗘𝗦𝗧𝗔𝗦 𝗗𝗘 𝗟𝗔𝗠𝗘𝗚𝗢 𝟮𝟬𝟮𝟮

  • Evocação do Dia da Liberdade em Lamego aborda prática da corrupção

    Evocação do Dia da Liberdade em Lamego aborda prática da corrupção

  • Cavacas de Resende regressam com dois dias de festa

    Cavacas de Resende regressam com dois dias de festa

  • Convento de Ferreirim reabriu ao público com apoio do Município de Lamego

    Convento de Ferreirim reabriu ao público com apoio do Município de Lamego

  • Município de Tarouca entrega dispositivos de teleassistência a idosos do concelho

    Município de Tarouca entrega dispositivos de teleassistência a idosos do concelho

Preços dos combustíveis vão cair pela quarta semana

Os portugueses deverão sentir um alívio na fatura dos combustíveis já AMANHÃ. O gasóleo deverá cair 1 cêntimo e a gasolina 2 cêntimos.

Os preços dos combustíveis em Portugal vão voltar a descer, acompanhando a queda das cotações do petróleo nos mercados internacionais. Segundo os cálculos do Negócios, há margem para uma descida de 2 cêntimos na gasolina e de um cêntimo no gasóleo. A confirmar-se esta descida, e tendo em conta os preços médios praticados na última semana, o litro do gasóleo simples deverá baixar para os 1,377 cêntimos e o da gasolina simples 95 para os 1,49 cêntimos a partir de AMANHÃ (segunda-feira). Estes preços têm em conta as variações calculadas pelo Negócios face ao preço médio praticado em Portugal e anunciado pela Direção Geral de Energia e Geologia (DGEG).    Esta foi mais uma semana de desvalorizações para o petróleo, que tem sido penalizado nos mercados internacionais pela rápida propagação do coronavírus, que ameaça as perspetivas de crescimento global – sobretudo devido à desaceleração da economia chinesa, a segunda maior do mundo – e, consequentemente, a procura mundial por petróleo. A evolução dos preços dos combustíveis é calculada tendo por base a evolução dos derivados do petróleo (gasóleo e gasolina) e do euro. Ainda assim, a evolução dos custos dependerá de cada posto de abastecimento, da marca e da zona onde se encontra.