As novas medidas do estado de emergência

Escrito em .

As novas medidas do estado de emergência

Recolher obrigatório à noite e nos fins de semana nos concelhos mais afetados pela Covid-19

O recolher obrigatório durante a semana à noite e aos fins de semana nos 121 concelhos mais afetados é uma das medidas anunciadas pelo primeiro-ministro, António Costa, para o estado de emergência, que entra em vigor esta segunda-feira, dia 9, para combater a pandemia do novo coronavírus.

AS MEDIDAS DO ESTADO DE EMERGÊNCIA:

1. Controlo de temperatura corporal no acesso a: Locais de trabalho; Estabelecimentos de ensino; Meios de transporte; Espaços comerciais, culturais e desportivos

2. Testes de diagnóstico nos Estabelecimentos de saúde; Lares; Estabelecimentos de ensino; Entrada e saída de território continental, por via aérea ou marítima; Estabelecimentos prisionais; Outros locais, por determinação da DGS

3. Utilização de estabelecimentos de saúde dos setores privado e social

4. Mobilização de recursos humanos para reforço da capacidade de rastreio

Trabalhadores em isolamento profilático; Mobilização de recursos humanos para reforço da capacidade de rastreio; Trabalhadores de grupos de risco; Professores sem componente letiva; Militares das Forças Armadas

5. Limitação de circulação na via pública nos 121 concelhos, entre as 23h e as 6h

6. Limitação de circulação na via pública nos 121 concelhos, ao fim-de-semana a partir das 13h até às 5h do dia seguinte

Nos próximos dois fins de semana, o comércio terá de encerrar a partir das 13h e os restaurantes só poderão funcionar em take away e entrega de refeições ao domicílio. No entanto, o serviço de take away só poderá estar disponível até às 13h.